Publicidade

Imagina poder ter acesso a informações valiosas relativas ao crédito que uma pessoa física ou jurídica apresentou em determinado período. Parece perfeito, não é mesmo? Mas saiba que é possível e o nome que se dá para isso é Bureaus de crédito

O bureau de crédito nada mais é do que uma entidade privada que tem a outorga para centralizar informações de inadimplência de pessoas naturais e pessoas jurídicas e o seu principal propósito é prevenir riscos sistêmicos. Mas o que isso quer dizer na prática? Significa que essa entidade, ou seja, esta empresa, pode centralizar as informações de apontamentos creditícios, além de informações cadastrais, para que todo este conjunto informacional possa proteger o crédito brasileiro e a economia do nosso país. Então, a importância dessa atividade empresarial vai muito além de fazer uma análise simples entre nome sujo e nome limpo. Este cruzamento de dados permite que você consiga entender, a renda do consumidor, o potencial de liquidez,  o potencial de risco de inadimplência, entre outras informações derivativas super importantes para manter a saúde do seu negócio. 

Por via de regra, o Bureau de crédito é de grande relevância para as instituições financeiras, especialmente na hora da decisão em liberar ou não o crédito para um cliente, sendo assim, ele também é considerado um serviço de proteção ao crédito. Por outro lado, sua missão também é ajudar os consumidores a cuidarem da saúde financeira. 

Publicidade

Como funcionam os bureaus na prática?

Primeiro, eles formam uma rede de dados sobre os consumidores com informações coletadas de bancos, lojas, bandeiras de cartão de crédito e também das empresas de serviços públicos, como companhias de água, luz e telefone. Depois pegam essas informações que vão desde os registros de inadimplência até os históricos de crédito mais detalhados e montam uma fonte de consulta bem precisa para que os credores avaliem a liberação do crédito, definindo limites de empréstimos, taxas de juros e tudo que for relevante para uma decisão segura. 

Mas e para o time dos consumidores, qual a importância dos bureaus de crédito? Além de ajudarem no acesso ao crédito, organizando também os dados sobre bons pagadores no Cadastro Positivo, são eles que negociam dívidas em atraso, buscando as condições mais acessíveis para a gente limpar o nome com menos burocracia. E atualmente, os bureaus ainda possibilitam a consulta do score de crédito, uma pontuação fundamental para manter a saúde financeira em dia. Entendeu por que tudo isso traz mais equilíbrio para a economia? Porque quando a gente controla os níveis de inadimplência e incentiva um consumo mais consciente, todo mundo ganha.

Quais informações constam no Bureau de crédito?

Essa é uma dúvida muito frequente e como relatado anteriormente, cada empresa possui sua própria forma de trabalhar e produz seus próprios relatórios. No geral, dados como dívidas comuns, situação junto à Receita Federal

Bureaus de crédito mais comuns no Brasil

Serasa

Este é um nome familiar, afinal, quem nunca escutou a frase que diz, se você ficar inadimplente, seu nome vai para o SPC SERASA. Esse é um bureau muito utilizado pelo comércio e proporciona a qualquer usuário consultar seu score, de modo que o usuário tem a oportunidade de descobrir se tem chances de conseguir um crédito.

SPC

O Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), é um dos mais conhecidos pelos brasileiros, são mais de 6 décadas de atuação e possui uma das bases mais consolidadas do país.

Boa vista – SCPC

O Serviço Central de Proteção ao Crédito, SCPC pertence à Boa Vista Serviços. Esse bureau admite que você faça consultas para análises de crédito e monitoramento de CNPJ e CPF. 

Quod

Esse é um dos Bureau mais tecnológicos, tendo parcerias com os maiores bancos do Brasil. 

Ficou claro sobre o que é e as vantagens do Bureau de crédito? Agora que você já tem noção do quanto os bureau de crédito estão presentes na sua vida é a sua vez de marcar presença por aqui em nosso blog, comente o que achou sobre o assunto de hoje e continue nos acompanhando para ficar muito bem informado sobre o mundo das finanças.